•♥Fotos e Curiosidades♥• 
Jun
30
By: Pink | Discussion (3)

 01498765700.jpg
Caminhão carregando 12 milhões de abelhas virado na rodovia Transcanadá, em New Brunswick, na manhã desta segunda-feira (30). Segundo a polícia canadense, a chuva ajudou a conter as abelhas.

 

01498773000.jpg
Acidente ocorreu próximo a St. Leonard. As abelhas estavam acondicionadas em 330 caixas. A polícia convocou um grupo de apicultores do Ministério da Agricultura para ajudar no resgate.



Jun
25
By: Poleto | Discussion (3)



Jun
24
By: Pink | Discussion (2)

china-porco.jpg

Um porco foi encontrado vivo na Província de Sichuan, na China, depois de passar 36 dias debaixo dos escombros causados pelo terremoto no dia 12 de maio, segundo a imprensa estatal.
O porco estava preso em um espaço de pouco mais de meio metro quadrado. Ele sobreviveu bebendo água da chuva e comendo carvão que havia no local, mas perdeu 120 kg.

O animal recebeu o nome de Zhu Jianqiang, que significa Porco Forte, e se tornou um símbolo de perseverança para os moradores do local.



Jun
19
By: Pink | Discussion (1)

Tadinho! :(

foca2.jpg

Um lobo-marinho apareceu na praia de Itapirubá, em Imbituba, sul de Santa Catarina na manhã desta quarta-feira. O animal está com uma das nadadeiras ferida e aparentemente muito cansado. Alguns moradores da região se aproximaram do lobo, mas ele sequer se mexia.

O animal deve ser encaminhado pela Polícia Ambiental e pelo Projeto Baleia Franca de Imbituba para o Centro de Estudos e Pesquisas Ambientais (Cepa), em Florianópolis. Lá o lobo-marinho será cuidado por veterinários até que possa voltar ao mar.

Com informações do Diário Catarinense



Jun
15
By: Poleto | Discussion (2)

Carneirinho bebê hihi

baalamb.jpg



Jun
15
By: Pink | Discussion (2)

hahaha

 zoozoom370_13062008_f_002.jpg

Chimpanzé Pia aproveita o passeio com seu novo bebê, chamado Amelie, em toca de zôo da Alemanha



Jun
13
By: Pink | Discussion (3)

A Sexta-feira 13 – Sorte ou Azar?

“Superstição” vem do latim superstitio, que significa “o excesso”, ou também “o que resta e sobrevive de épocas passadas”. Em qualquer acepção, designa “o que é alheio à atualidade, o que é velho”. Transposto para a linguagem religiosa dos romanos, o vocábulo “superstitio” veio a designar a observância de cultos arcaicos, populares, não mais condizentes com as normas da religião oficial.

O número 13 é tido ora como sinal de infortúnio, ora de bom agouro.


O número 13

Símbolo de desgraça, já que 13 eram os convivas da última ceia de Cristo, e dentre eles, Jesus que morreu na sexta-feira foi, conseqüentemente, ligada ao horror que o número 13 provocava nas gerações cristãs. Por isso, muitas pessoas evitam viajar em sexta-feira 13; a numeração dos camarotes de teatro omite, por vezes, o 13; em alguns hotéis não há o quarto de número 13 – este é substituído pelo 12-a. Muitos prédio pulam do 12º para o 14º andar temendo que o 13º traga azar. Há pessoas que pensam que participar de um jantar com 13 pessoas traz má sorte porque uma delas morrerá no período de um ano. A sexta-feira 13 é considerada como um dia de azar, e toma-se muito cuidado quanto às atividades planejadas para este dia.

Como se vê, a crença na má sorte do número 13 parece ter tido sua origem na Sagrada Escritura. Esse testemunho, porém, é tão arbitrariamente entendido que o mesmo algarismo, em vastas regiões do planeta – até em países cristãos – é, estimado como símbolo de boa sorte.

O argumento dos otimistas se baseia no fato de que o 13 é um número afim ao 4 (1 + 3 = 4), sendo este símbolo de próspera sorte. Assim, na Índia o 13 é um número religioso muito apreciado; os pagodes hindus apresentam normalmente 13 estátuas de Buda. Na China, não raro os dísticos místicos dos templos são encabeçados pelo número 13. Também os mexicanos primitivos consideravam o número 13 como algo santo; adoravam, por exemplo, 13 cabras sagradas. Reportando-nos agora à civilização cristã, lembramos que nos Estados Unidos o número 13 goza de estima, pois 13 eram os Estados que inicialmente constituíam a Federação norte-americana. Além disso, o lema latino da Federação, “E pluribus unum” (de muitos se faz um só), consta de 13 letras; a águia norte-americana está revestida de 13 penas em cada asa.

As lendas

Além da justificativa cristã, existem 2 outras lendas que explicam a superstição. Uma Lenda diz que na Escandinava existia uma deusa do amor e da beleza chamada Friga (que deu origem a friadagr, sexta-feira). Quando as tribos nórdicas e alemãs se converteram ao cristianismo, a lenda transformou Friga em uma bruxa exilada no alto de uma montanha. Para vingar-se, ela passou a reunir-se todas as sextas com outras onze bruxas e mais o demônio – totalizando treze – para rogar pragas sobre os humanos. Da Escandinava a superstição se espalhou pela Europa.

A outra lenda é da mitologia nórdica. No valha, a morada dos deuses, houve um banquete para o qual foram convidados doze divindades. Loki o espírito do mal e da discórdia, apareceu sem ser chamado e armou uma briga em que morreu o favorito dos deuses. Este episódio serviu para consolidar o relato bíblico da última ceia, onde havia treze à mesa, às vésperas da morte de Cristo. Daí veio a crendice de que convidar 13 pessoas para um jantar era desgraça na certa.

O Filme Sexta-feira 13

Sexta Feira 13 (Friday the 13th), é o filme de terror de maior suspense.

Conta a história de Jason, que morreu quando era apenas um garoto (13 de junho de 1957) afogado no lago por incompetência dos conselheiros que não estavam atentos as crianças. Ninguém nunca conseguiu encontrar seu corpo.

Sua mãe começou a matar todos os conselheiros, vários anos depois, no acampamento Cristal Lake, atribuindo-os a culpa por não terem cuidado de seu filho. Ela foi morta por um dos conselheiros mas Jason não estava morto e anos mais tarde ele viria a aparecer para se vingar dos assassinos de sua mãe. Jason usou a máscara de hockey apenas no 3º filme, antes ele usava um pano amarrado ao seu pescoço com um furo para o olho esquerdo. Jason ainda ficou vivo por mais três filmes, onde até fez uma visitinha a New York. Morreu em 1996 quando sua irmã lhe cravou uma adaga sagrada (única combinação de coisas capaz de matar Jason para sempre).



Jun
12
By: Poleto | Discussion (2)

Feliz dia dus namolladussss <3
valentines



Jun
12
By: Pink | Discussion (1)

ccmlovekid1d.gif

 

:****:



Jun
12
By: Pink | Discussion (2)

Hoje é em homenagem ao dia dos namorados
valentine08.gif

Gracinha



Jun
11
By: Poleto | Discussion (1)

Hehehe



Jun
11
By: Pink | Discussion (1)

emoticon_amazed.png

Um sapo-cururu sobreviveu depois de ser comido por um cachorro e passar 40 minutos no estômago do animal na Austrália.

A cachorra Bella estava brincando no quintal de sua casa em Bakewell quando engoliu o sapo, segundo o jornal australiano Northern Territory News.

“Eu joguei restos de tortas e pastéis para os cachorros na grama e não percebi que havia um sapo ali. Bella viu o animal e pensou que era uma das tortas”, disse o dono do cachorro, o jogador de rugby Jackson Crews, ao jornal.

“Ela engoliu o sapo inteiro”, afirmou. O cachorro foi levado para um hospital de animais e induzido a vomitar o que tinha comido. No início, apenas as tortas apareceram, mas, depois, o sapo também acabou saindo.

Crews disse que não conseguia acreditar que tanto o cachorro como o sapo haviam sobrevivido ao episódio. O sapo-cururu libera um veneno quando está sob estresse, e cientistas acreditam que vários animais já tenham morrido ao serem intoxicados pelo veneno do anfíbio.

Crews disse que a gula de Bella provavelmente a salvou. “Ela engoliu o sapo inteiro – foi provavelmente por isso que ela sobreviveu”, disse Crews. O sapo foi mantido no hospital de animais.



Jun
10
By: Pink | Discussion (2)

102_101.jpg

Uma porquinha de botas!!! Sabe por quê? O animal tem medo da lama!!!

A fobia de Cinders – nome tirado da personagem Cinderela, que usava confortáveis sapatinhos de cristal – foi descoberta pelos donos da porquinha, os fazendeiros Debbie e Andrew Keeble, da região inglesa de North Yorkshire. Cinders entrava em pânico sempre que a aproximavam da lama…

Para resolver o problema, o casal tirou as botas de um ursinho de pelúcia da filha. Como Cinders se adaptou bem, Debbie e Andrew compraram outro brinquedo para calçar a porquinha totalmente. Bingo! Cinders agora pode passear sem medo pelo lamaçal da fazenda!

Uma fábula em pleno século XXI…



Jun
10
By: Pink | Discussion (0)

De Marie-Morgane Le Moël
Enviada especial do Le Monde a Auckland (Nova Zelândia)

Todos os domingos, uma centena de imigrantes do Tuvalu se reúne para a missa em Te Atatu South, uma localidade da periferia a oeste da cidade de Auckland. Nas dependências do centro que lhes foi emprestado pelo Lion’s Club, as famílias se instalam em esteiras colocadas diretamente no chão, para acompanharem a pregação, na qual a única língua praticada é o tuvaluano. Algumas das mulheres estão enfeitadas com uma flor de pluméria, um arbusto de aroma almiscarado, nos cabelos, enquanto a maior parte dos fiéis fala entre si na língua do seu país de origem.

10tuvalu.jpg

Em vista aérea, um dos atóis que formam o arquipélago de Tuvalu, próximo à Nova Zelândia, na Oceania; muitos de seus 11.000 habitantes estão imigrando para o país vizinho, preocupados com o aumento do nível dos oceanos, que pode fazer o local submergir até 2100

Observações por satélite e por meio de medidores vêm sendo realizadas já faz cerca de quinze anos na tentativa de se medir a elevação do nível do mar, mas este período seria curto demais para se tirar quaisquer conclusões, avisam os cientistas. “As estimativas que nós temos apontam que, de 1950 a 2001, o nível do mar subiu, em média, 2 milímetros por ano. Mas, por causa da aceleração da elevação do nível do mar que nós passamos a observar nos últimos tempos, o fenômeno poderia agravar-se em Tuvalu”, explica John Hunter

Alterações no ecossistema
Na opinião de Simon Boxer, que foi encarregado de estudar a questão pelo Greenpeace da Nova Zelândia, este, de qualquer forma, não é o único perigo que ameaça a região: “As populações das pequenas nações do Pacífico vão estar confrontadas a alterações no seu ecossistema antes mesmo de serem inundadas, tais como a salinização do seu sistema de abastecimento de água e das suas áreas cultivadas”. Um outro risco é a recorrência de fenômenos climáticos extremos, que poderiam ser devastadores para essas pequenas ilhas.

Contudo, o aquecimento climático não seria a única causa de desastres potencial. Os cientistas apontam igualmente para a ameaça que representam as más práticas de ocupação do solo na ilha da capital. “Desde a independência, em 1978, a população passou de 700 para 5.000 habitantes em Fongafale. Além disso, a construção de calçadas acabou modificando os traçados das marés”, comenta John Connell, um geógrafo na universidade de Sydney e especialista nas ilhas do Pacífico. Para Chris de Freitas, um professor na escola de geografia da universidade de Auckland, “enchentes vêm ocorrendo da maneira evidente nas ilhas do Tuvalu, mas, neste caso, não é exatamente o aquecimento climático provocado pelo homem que está na origem deste fenômeno. Elas são o resultado da erosão e de projetos imobiliários que vêm provocando um afluxo da água do mar”.

Este é um ponto de vista que poucos imigrantes parecem estar dispostos a ouvir, pois muitos deles estão convencidos de estarem pagando o preço necessário para adquirir o modo de vida dos países ocidentais. Há alguns anos, o governo de Tuvalu havia até mesmo ameaçado entrar com uma ação na justiça contra a Austrália e os Estados Unidos por estes não terem ratificado o Protocolo de Kyoto. Fala Haulangi, uma das principais lideranças da comunidade tuvaluana em Auckland, não admite qualquer questionamento: “Nós não nos valemos do pretexto do aquecimento climático para emigrar. Os nossos familiares e os habitantes mais idosos estão bem lá onde estão nas suas ilhas, eles não têm a menor vontade de irem embora de lá”. E Telaki Taniela acrescenta: “Nós deveríamos pleitear o estatuto de refugiados climáticos, pois nós pertencemos a uma nação limpa, que tem sido vítima das ações dos grandes países”.

hehe…. não assumem parte da culpa! É mais fácil por a carga toda em cima do aquecimento global ;)



Jun
10
By: Pink | Discussion (1)

albumdasemana_9062008_f_002.jpg
Fotos tiradas em Milão, na Itália, mostram o encontro de um coelho de estimação com um gatinho chamado Pippo

albumdasemana_9062008_f_007.jpg
Com um mês de vida, pequeno lobinho esbanja fofura em zôo da Rússia

albumdasemana_9062008_f_001.jpg
Cãozinho corajoso nada ao lado de golfinho em mar da Ilha de Tory, na Irlanda

albumdasemana_9062008_f_008.jpg
Cãozinho do hospital Grande São Bernardo dá pulos na paisagem da Suiça; cães ajudam a salvar pessoas perdidas na neve

albumdasemana_9062008_f_011.jpg
Sem cerimônias, veadinho mata a sede em bebedouro de zôo da Suíça



Jun
09
By: Pink | Discussion (1)

pessoa_245.gif

Você segue caminhando pelo outro lado
outro lado, outro lado
Você segue caminhando pelo outro lado,
outro lado, outro lado
Onde você quiser ir, eu vou com você
Não deveria saber queestou destinada a te seguir?
Qualquer coisa que você diga,qualquer coisa que faça
te dou um indício, eu vou te seguir
E as estrelas mostrarão
onde as águas fluem, onde os jardins crescem
é onde eu te encontrarei
Por que não me deixar ir comvocê? Deixe-me ir
Na, na na… Por que você não libera; me faz te seguir?
Na, na na… Onde você for, eu vou por você
Oh, eu realmente nasci para te seguir
Como o fogo e a madeira – o papel e a cola
Só uns poucos nascem para seguir
E as estrelas mostrarão
onde as águas fluem
onde os jardins crescem
é onde eu encontrarei você
E o sol brilhará
derretendo toda a neve
sabendo tudo o que sei
é onde eu te encontrarei e as estrelas brilharão
toda brisa vai embora
sabendo o que sei
que é onde eu te encontrarei.





Jun
09
By: Poleto | Discussion (2)

You keep on walkin' on the other side
Other side, other side
You keep on walkin' on the other side
Other side, other side
Wherever you go, I'm going with you
Shouldn't you know I'm bound to follow
Whatever you say, whatever you do
I give you a clue, I'm gonna follow And the stars will show
Where the waters flow
Where the gardens grow
That's where I'll meet you

Why don't you let me, let me come along
Na na na, na na na
Why don't you open, make me come along
Na na na, na na na
Wherever you go, I'm going for you
Oh, I was truly born to follow
Like fire and wood and paper and glue
Only a few were born to follow

And the stars will show
Where the waters flow
Where the gardens grow
That's where I'll meet you
And the sun will glow
Melting all the snow
Knowing all I know
That's where I'll meet you

Stars will show
Where the waters flow
Where the gardens grow
That's where I'll meet you
And the sun will glow
Melting all the snow
Knowing all I know
That's where I'll meet you

And the stars will show
Every breeze will blow
Knowing all I know
That's where I'll meet you


Jun
09
By: Pink | Discussion (2)

weeeeeeee

Parabéns, Parabéns

pelo seu aniversáaaaaaariu!

:************:

s2

14.jpg

 

soprou forti d+
jogou bolo ni mim lol

:*:



Jun
08
By: Poleto | Discussion (1)

Wheeeeeeeee!!! Estamos tontossssss!! (=’:'=)



Jun
08
By: Pink | Discussion (1)

\o/